CB e Seus Problemas:

Problemas em cb.docx (14,6 kB

 

Problemas em CB:

   

Sintoma

Diagnóstico e Remédio

O aparelho não liga

Verificar se a ligação da alimentação foi efectuada correctamente, com as polaridades apropriadas. Se tudo se encontra normal, verificar se não rebentou um fusível da viatura, ou se não existe um fio descarnado. Finalmente verificar a fixação do fio negro (pólo negativo) à massa. Noutros casos consultar especialista (transístor deteriorado).

Queima de um fusível assim que se coloca o aparelho em funcionamento

Mau contacto no interior ou exterior (ligação) do aparelho. Verificar os fios e as polaridades. Numa instalação móvel, não tentar substituir o fusível por outro de intensidade superior.

Ausência de recepção

O «squelch» pode estar todo aberto, ou o potenciómetro «RF» no mínimo. Verificar ainda se o aparelho não está em posição de «public adress» e se o microfone está ligado. Com efeito, os aparelhos CB não podem receber sinais se o microfone não estiver montado.

 

Recepção intermitente

Verificar a ligação da alimentação, e também a do cabo coaxial às tomadas PL da antena e do emissor-receptor. Verificar a qualidade de ligação à massa.

Recepção e ruído fracos, mesmo quando o volume se encontra no máximo

Reajustar a soldadura do coaxial à tomada PL do aparelho, e verificar se esta tomada se encontra bem apertada à base da antena.

Saturação do sinal na recepção

Se a estação captada se encontra muito próxima este fenómeno é normal. Regular o «RF GAIN» se se dispõe deste controlo, ou pedir ao interlocutor que diminua o seu «MIC-GAIN». Se estas disposições não tiverem qualquer efeito, poderá tratar-se de uma falta no alto-falante.

Recepção em vários canais de sinais provenientes de uma outra estação

Utilização de um amplificador linear por uma estação situada na vizinhança e que afecta os canais adjacentes. Procurar a frequência de emissão deste perturbador e pedir-lhe que elimine o problema.

Recepção de uma estação, mas impossibilidade de lhe responder

Regular novamente a antena. Pode no entanto tratar-se de uma estação demasiado afastada, utilizando uma antena melhor e sofrendo de menos obstáculos.

Parasitas fortes e talvez regulares na recepção

Proximidade de aparelhos industriais ou médicos com ressonância em 27 Mhz, de linhas de alta tensão ou ainda de balizas hertzianas.

Ausência de emissão quando se carrega no botão do microfone. Emissão de uma portadora sem modulação.

Mau contacto no microfone na sua tomada ou no respectivo cabo. Se se consegue receber, o problema situa-se provavelmente no próprio microfone ou no seu cabo.

Má modulação

«MIC GAIN» demasiado a fundo, antena a regular ou danificada, microfone a falhar. Em instalações fixas, alimentação inadequada.

Modulação variável

Cabo coaxial mal soldado à tomada PL, alimentação cuja ligação está mal executada.

Impossibilidade de contactar estações a não ser quando muito próximas

Antena mal regulada ou, simplesmente, más condições de propagação. Neste último caso não há nada a fazer!

Em instalações móveis, ruídos quando o motor funciona.

Ligar o filtro «NB-ANL» ou antiparasitar o veículo.

O aparelho aquece exageradamente

Taxa de ondas estacionárias demasiado elevadas. Remediar rapidamente a situação.

Impossibilidade de obter uma taxa de ondas estacionárias reduzidas

Má ligação á massa. Haste regulável da antena devendo ser cortada (com um máximo de precauções) com as dimensões óptimas para uma boa sintonia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bibliografia:


 

     http://estacaoaquario.webnode.pt/problemas-em-cb/